terça-feira, 19 de maio de 2020

Sindicato dos Servidores Municipais solicita melhores condições de trabalho aos profissionais da saúde em Timbiras

Por Hildenilson Sousa – Blog Repórter Timbiras     19 de maio de 2020

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Timbiras, SINDSERT, enviou nesta segunda-feira (19) Ofício ao prefeito Dr. Antônio Borba, que trata especificamente sobre a concessão de adicional de insalubridade em grau máximo aos profissionais da saúde lotados em órgãos que atuam diretamente no tratamento de portadores ou suspeitos de COVID-19.


Ofício do Sindserm
Imagem do Arquivo do Sindicato

No documento, o presidente do Sindsert, Edivaldo Portácio Bayma, argumenta que devido a pandemia mundial do novo coronavírus a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Ministério da Saúde e o Governo do Maranhão têm mostrado informações que o novo coronavírus é um agente biológico da mais alta periculosidade e cujo contágio se faz de forma latente, ou seja, de forma não aparente, daí o alto nível do perigo de infecção pelo microrganismo.

Edivaldo Portácio explica que a motivação para a ação trabalhista é que em todo o Brasil e em todo o Maranhão muitos dos profissionais da saúde perderam a vida cuidando de pessoas portadoras da COVID-19, e que por isso existe a urgente necessidade de melhores condições de trabalho para os trabalhadores do setor.

Edivaldo Portácio - Presidente do Sindsert
Foto: Arquivo Pessoal

“Nada mais justo do que os sindicatos atuarem junto às administrações municipais na busca do adicional de insalubridade, que é direito garantido por lei. O Sindsert em consonância com os associados e servidores municipais em geral solicitam esta garantia ao Município de Timbiras. Temos a esperança de que o prefeito Dr. Borba se sensibilize com a causa em benefício destes profissionais da saúde, que estão diuturnamente na luta contra a COVID-19”, afirma o líder sindical.

O Sindsert esclarece que o benefício trabalhista seria somente durante o período da pandemia, e que não se incorporaria em definitivo à remuneração dos servidores do Município de Timbiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário