quinta-feira, 21 de maio de 2020

Política: a vida deve ser prioridade

Por Walterli Lima - Educador timbirense, professor de Matemática e pensador contemporâneo
21 de maio de 2020


Dizem que a política é um mal necessário para a sociedade, porém agarrada a ela, como irmãs siamesas, está um mal ainda maior, a politicagem. Isto tornou-se evidente na atual pandemia da COVID-19.

Multidão de anônimas e anônimos.
Imagem da Internet

Numa batalha travada entre estes, a insensatez é a arma do momento. Palavras lançadas ao ar feito flechas à procura do inimigo, catapultas postas a defender a fortaleza, num misto de cobiça, ódio e mágoas.  

Não, a dor não pode ser politizada.  Nem o medo, nem o desespero da falta de pão, nem tão pouco o luto dos que perderam um dos seus. 

E alheio a tudo isto, de mãos e pés atados, como mero instrumento usado para se chegar aonde os políticos almejam, está aquele que na essência da palavra deveria ser a razão da existência da política, o ser humano comum, as anônimas e os anônimos.






Nenhum comentário:

Postar um comentário