quinta-feira, 21 de maio de 2020

João dos Plásticos esclarece notícia falsa e se solidariza com os timbirenses


O empresário João dos Plásticos foi vítima de notícias falsas a respeito de suposta entrega de caixões para os habitantes de Timbiras. Irresponsavelmente e de forma leviana, adversários em visível desespero político lançaram em grupos de redes sociais uma ‘fake news’ de que o empresário e principal líder das oposições em Timbiras teria feito a doação de trezentas urnas funerárias para prováveis vítimas do coronavírus.

João dos Plásticos
Foto: Imagem da Internet

Na tarde desta quinta-feira (20) João dos Plásticos esclareceu por meio de um vídeo que a falsa notícia não tem nada de verídico, sendo, portanto, uma tentativa caluniosa de atingir o pré-candidato a prefeito de Timbiras. No vídeo João dos Plásticos se dirige respeitosamente aos seus conterrâneos timbirenses e mostra a verdade definitiva:

“Estou me guardando para poder cuidar de você. Eu quero pedir que fique em casa nesse momento difícil que nós estamos passando dessa pandemia. E quero aproveitar a oportunidade e dizer que em nenhum momento eu doei urnas funerárias para Timbiras. E quero levar aos meus amigos, meus conterrâneos, a esperança a um futuro melhor pra nós. E logo [...] vai passar. Nós vamos poder nos cumprimentar, nos abraçar. E vamos ter fé, muita fé, que DEUS está do nosso lado”, esclareceu João dos Plásticos.

A legislação brasileira proíbe e tem punição para quem intencionalmente divulga e reproduz notícias falsas. Sidartha Gautama, um dos maiores líderes religiosos da humanidade em todos os tempos, nos ensina um valioso conceito moral: “Três coisas não podem ser escondidas por muito tempo: o sol, a lua, e a verdade.”

Veja o vídeo:


                                                                     
                                                   

Assessoria de Comunicação - ASCOM 

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir